LED x Lâmpadas Incandescentes

Qual a equivalência entre lâmpadas incandescentes e as de LED

A pergunta é recorrente, pois gerações foram acostumadas a reconhecer e comprar lâmpadas utilizando Watts como referência de intensidade de luz que buscavam para determinada aplicação. Todavia, Watts é medida de potência, mas ligada ao consumo de energia. Como a tecnologia evoluiu muito nos últimos anos, houve uma ruptura no processo de associar consumo a quantidade de luz gerada e perdemos a referência do que comprar, buscando associar a equivalência dos Leds às incandescentes, como uma forma de reconhecer a iluminação que será gerada.

Isso dá uma ideia, mas tem alguns problemas…. Primeiramente, não há um padrão único. Ao buscar informações de equivalências na Internet verá algumas tabelas, mas muitas delas não estão em sintonia. Isso acontece pelo fato de haver diversas marcas (de leds e de incandescentes), além de evoluções de tecnologia constantes. Conforme o tempo passa, vemos lâmpadas de LEDs diminuírem a quantidade de consumo de energia (Watts), mas mantendo a mesma quantidade de luz proporcionada….

Segundo Arthur Grellet, Diretor Técnico da Associação dos Importadores e/ou Fabricantes de produtos para iluminação (Abilumi), “ A resposta é simples, mas ainda pouco utilizada na prática: considerar a relação entre lúmens emitidos pela fonte luminosa.

Afinal, quando o produto de iluminação é substituído, nos deparamos com a necessidade de obter certa quantidade de luz quando o parâmetro a ser utilizado é o fluxo luminoso, definido por lúmens ou por seu símbolo (lm).

Sendo assim, quando analisarmos a compra do produto, devemos olhar a quantidade de fluxo luminoso emitido e a partir daí definir dentre os produtos oferecidos aquele que apresentar a menor necessidade de potência necessária para produzir aquela quantidade de luz.

Assim, conseguimos optar pelo produto mais eficiente, ou seja, aquele que irá ajudar na redução do consumo na conta de energia.

No site Casa e Planos, verificamos uma tabela interessante, pois traz, partindo de Lúmens, uma equiparação entre algumas tecnologias de iluminação. Podemos ler que: para ter uma iluminação de 1100lm, seria necessária uma lâmpada incandescente de 75W de consumo, mas apenas uma de 13 a 15W  (dependendo do fabricante, modelo, etc) de consumo na tecnologia LED.